5 de abril de 2019

Caixa de Correio e Leituras do Mês // O que vocês perderam #3


Caixa de Correio

Book Haul: 11 livros

Olá meu povo! Vocês têm noção de quantos meses eu fiquei sem postar sobre os livros recebidos e lidos aqui no blog? Desde Outubro do ano passado! 😅😅 Então, já começo o resumão com essa foto que representa a Caixa de Correio: comprei 6 livros, ganhei 2 em eventos, recebi o Natureza de parceria, troquei o da CoHo, e o da Lucy Vargas foi minha irmã quem comprou. Já sobre as Leituras nesses últimos 6 meses, eu li 10 livros e 2 contos, e abandonei 2 livros. Um número baixo, pois estava estudando pra fazer um concurso. Cliquem em "leia mais" para conferir quais foram os livros lidos!

Leituras

O Visconde Que Me AmavaRonda Noturna
O Visconde que me Amava - Julia Quinn
A temporada de bailes e festas de 1814 acaba de começar em Londres. Como de costume, as mães ambiciosas já estão ávidas por encontrar um marido adequado para suas filhas. Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano será Anthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as probabilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva. Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela. Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele. Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração.
Depois de muuuita enrolação, consegui ler mais um volume da série Os Bridgertons. No primeiro livro eu tinha gostado muito do Anthony e do Simon, mas acho que este último será o meu favorito mesmo! Confesso que o Anthony me irritou um pouquinho nesse livro dele, apesar de a autora explicar muito bem as motivações para o que ele sentia em relação ao pai (nunca tinha ouvido falar nisso, aliás). Eu adorei a mocinha Kate, e o livro teve momentos muito divertidos! Pra mim não superou "O Duque e eu", mas veremos os próximos volumes! Avaliação: 4,0
Ronda Noturna - Nora Roberts
Quente, rouca e macia como um bom uísque. Assim era a voz da locutora Cylla O'Roarke. Ameaçada por um fã misterioso, ela recorre à proteção do detetive Boyd Fletcher. Mas logo descobre que Boyd não apenas a protegerá de um psicopata, como também tem planos para torná-la sua mulher. Afinal, mas do que seu timbre, ele adora a forma como Cylla esconde sua vulnerabilidade por trás de uma fachada de autossuficiência. E ainda que ela se sentisse invadida pelas investidas de Boyd, uma inegável atração cresce entre os dois, aumentando cada vez mais o risco de algo acontecer durante a Ronda Noturna...
Esse é o primeiro livro da Série Noturna, que eu comecei lendo pelo quarto volume, rs. Gostei que nesse livro a protagonista é locutora de rádio, deu pra aprender várias coisas sobre a profissão. O final foi beeem clichê, e eu achei que o casal ficou fazendo muito doce pra ficarem juntos. Mas foi um romance bem escrito (Nora né?), com personagens legais e que me manteve interessada; apesar de eu não ter achado superior ao quarto volume (Névoa Noturna). Seguirei lendo os outros!

Mônica e Enzo e Todos os DiasO Diário de Anne Frank
Mônica e Enzo e Todos os Dias - Denise Flaibam
Mônica gosta de rotinas. Ela aprendeu a evitar situações desconfortáveis por causa delas. Com dezessete anos, cinco irmãos, um talento nato para a fotografia e uma paixão antiga pelo Enzo, o maravilhoso goleiro do time da escola, Mônica está muito bem, obrigada. Contudo, um mal entendido coloca Mônica como fotógrafa oficial dos jogos, o que significa encontrar com o astro do time de futebol, consequentemente o amor da sua vida (e o fã clube alucinado dele) várias vezes no dia. Passos bem calculados se tornam uma sequência de incidentes inesperados, como encontros nas festas da escola e sorrisos apaixonados. Espera aí... O Enzo, apaixonado por ela? De repente, Mônica precisa lidar com as reviravoltas da vida adolescente, coisas que até então tinha conseguido evitar. Mônica e Enzo e Todos os Dias é a história de um amor surpreendente e cheio de possibilidades. Será que a Mônica vai conseguir fugir dos seus medos para viver esse primeiro amor?
Eu estava bem curiosa pra ler algo da Denise, e li muitos elogios a esse YA. Achei a Mônica muito gente como a gente, ela reagindo ao crush Enzo (um mocinho negro 😍, pra variar) era super eu na vida, hahah. Porém o desenvolvimento da história não chegou a me agradar tanto quanto gostaria, achei que faltou algo pra deixar a trama mais dinâmica e consistente. Apesar dessa ressalva (bem subjetiva, pois já não sou o alvo adolescente da história), a leitura foi uma graça, teve fofura, bom humor e simpatia naturais. Gostei muito da escrita da Denise e quero demais ler "Lilian e Gregório e a Segunda Chance" em breve, pois o arco deles me chamou atenção e tem potencial pra me ganhar bem mais!
O Diário de Anne Frank
No auge da Segunda Guerra Mundial uma garota ganha em seu aniversário de 13 anos um caderno de autógrafos. Tinha um fecho, capa dura de tecido xadrez vermelho e branco. O nome da garota era Anne Frank e ela gostava muito de escrever. Por isso, transforma o caderno em um diário. Menos de um mês depois, Anne, a irmã Margot e os pais vão para um esconderijo secreto, onde passam mais de dois anos, com outras quatro pessoas, para não serem enviados para um campo de concentração.
Os nazistas acharam o esconderijo e o grupo não escapou do holocausto. Anne, que era judia, morreu pouco antes de fazer 16 anos. Porém, o diário onde foram narrados momentos sobre a vida de Anne Frank e os acontecimentos vivenciados no anexo secreto sobreviveu ao tempo. Foi publicado pela primeira vez em 1947 e se tornou um dos livros mais lidos do mundo, traduzido para mais de 60 idiomas.
Já li alguns outros livros que falam sobre a Segunda Guerra Mundial, mas é muito marcante em "O Diário de Anne Frank" o seu valor histórico e documental, a narrativa peculiar da Anne, e o fato de ser tanto uma autobiografia quanto um relato muito humano de sobrevivência. O diário é um contato angustiante com uma infeliz e cruel realidade, mas que em momentos consegue ser descontraído, esperançoso e até divertido. Me assustei um pouco com o quanto me identifiquei com a pessoa Anne e seus pensamentos, foi muito incrível conhecê-la. É difícil explicar a experiência que tive com esse livro... Mas com certeza tornou-se um marco na minha vida de leitora, ainda que terminá-lo tenha destruído meu coração. Caso você ainda não tenha tido a oportunidade de ler o diário, acho muito importante que faça isso! Avaliação: 5,0 () - Post com melhores citações do livro

Pequenas Grandes MentirasAs Gêmeas do Gelo
Pequenas Grandes Mentiras - Liane Moriarty
Com muita bebida e pouca comida, o encontro de pais dos alunos da Escola Pirriwee tem tudo para dar errado. Fantasiados de Audrey Hepburn e Elvis, os adultos começam a discutir já no portão de entrada, e, da varanda onde um pequeno grupo se juntou, alguém cai e morre. Quem morreu? Foi acidente? Se foi homicídio, quem matou? Pequenas grandes mentiras conta a história de três mulheres, cada uma delas diante de uma encruzilhada. Madeline é forte e decidida. No segundo casamento, está muito chateada porque a filha do primeiro relacionamento quer morar com o pai e a jovem madrasta. Não bastasse isso, Skye, a filha do ex-marido com a nova mulher, está matriculada no mesmo jardim de infância da caçula de Madeline. Celeste, mãe dos gêmeos Max e Josh, é uma mulher invejável. É magra, rica e bonita, e seu casamento com Perry parece perfeito demais para ser verdade. Celeste e Madeleine ficam amigas de Jane, a jovem mãe solteira que se mudou para a cidade com o filho, Ziggy, fruto de uma noite malsucedida. Quando Ziggy é acusado de bullying, as opiniões dos pais se dividem. As tensões nos pequenos grupos de mães vão aumentando até o fatídico dia em que alguém cai da varanda da escola e morre. Pais e professores têm impressões frequentemente contraditórias e a verdade fica difícil de ser alcançada. Ao colocar em cena ex-maridos e segundas esposas, mãe e filhas, violência e escândalos familiares, Liane Moriarty escreveu um livro viciante, inteligente e bem-humorado, com observações perspicazes sobre a natureza humana.
Um outro nível de leitura! 😍 Nunca tinha lido nada da Liane Moriarty e fui pega de surpresa. "Pequenas grandes mentiras" é um livro excelente do início ao fim! Todo mundo precisava ler e ouvir o que essa história tem a dizer, porque é muito relevante! A construção da narrativa, os temas abordados (entre eles bullying e violência doméstica), os personagens, os mistérios, a ambientação, o clima familiar... Todo esse conjunto entrega uma obra única, que naturalmente cativa e comove o leitor. O final me agradou muitíssimo: não sabia que era justamente o que eu estava esperando até de fato lê-lo! E o mais importante: foi um livro de 400 páginas que não achei chato em nenhum momento, pelo contrário, era super difícil largá-lo pra fazer outra coisa! Preciso ir correndo ler as outras obras dessa mulher! Avaliação: 5,0 ()
As Gêmeas do Gelo - S.K. Tremayne
Um ano depois de Lydia, uma de suas filhas gêmeas idênticas, morrer em um acidente, Angus e Sarah Moorcroft se mudam para a pequena ilha escocesa que Angus herdou da avó, na esperança de conseguirem juntar os pedaços de suas vidas destroçadas. Mas quando sua filha sobrevivente, Kirstie, afirma que eles estão confundindo a sua identidade — que ela é, na verdade, Lydia — o mundo deles desaba mais uma vez. Quando uma violenta tempestade deixa Sarah e Kirstie (ou será Lydia?) confinadas naquela ilha, a mãe é torturada pelo passado — o que realmente aconteceu naquele dia fatídico, em que uma de suas filhas morreu?
Parecia bem promissor e eu estava curiosa para ler. Mas não foi bem O Thriller que eu imaginei... Desgostei de mais coisas do que gostei. As ideias que o autor teve eram boas, mas se perderam na narrativa e desenvolvimento arrastados. Entre descrições intermináveis da tal ilha lá e personagens insuportáveis (a saber, os pais das gêmeas); eu só queria saber o que aconteceu e que tudo acabasse logo: achei que o final ia compensar, mas cheguei lá tão cansada da enrolação que nem me empolguei. Pontos positivos: consegue confundir o leitor de verdade, tem uma certa atmosfera sobrenatural que aflige, acertou na separação dos pontos de vista marido/mulher, o mistério das gêmeas prende o interesse, e as revelações da trama (apesar de não serem sensacionais) são satisfatórias. Sinceramente, não sei se é um thriller que eu recomendaria, pois certamente poderia citar outros com temáticas parecidas que, como leitora, me agradaram muito mais... Avaliação: 3,0

Resenhados

O Inverno dos Escritores MortosO Ódio Que Você SemeiaO Segredo de Ella e Micha

O Inverno dos Escritores Mortos - Miller Britto
Resenha Avaliação: 4,5

O Ódio que Você Semeia - Angie Thomas
Resenha Avaliação: 4,5 ()

O Segredo de Ella e Micha - Jessica Sorensen
Resenha Avaliação: 3,8

Natureza ReveladaUm Natal com AmorSe Você Puder Me Ouvir

Natureza Revelada - Karina Pinheiro e Jorge Gomes
Resenha Avaliação: 3,0

Um Natal com Amor - Silvana Barbosa (conto) Se você puder me ouvir - Luciane Rangel (conto)

Abandonos

Madame Bovary@mor
Madame Bovary - Gustave Flaubert
Para escapar à monotonia do casamento e da vida provinciana, a sonhadora Emma Bovary se perde em idealismos, amantes e dívidas. Ao narrar a decadência dessa mulher, e também da sociedade burguesa, Flaubert nos brinda com o romance moderno por excelência.
Fiquei triste de ter abandonado, porque era um clássico que me interessava já há muito tempo, mas né... Realmente não consegui me envolver com a história e narrativa!
@mor - Daniel Glattauer
Num e-mail enviado por engano, começa um relacionamento virtual que testa as convicções de Leo Leike e Emmi Rothner. Leo Leike, ainda digerindo o fracasso de seu último relacionamento, responde de forma espirituosa a duas mensagens enviadas por engano por Emmi Rothner, casada. Inicialmente, ela só queria cancelar uma assinatura de revista. Depois, inclui Leo por engano entre os destinatários de um e-mail de boas festas. Na terceira troca de e-mails, o mal-entendido dá lugar à atração mútua, reforçada pelo fato de um nunca ter visto o outro. Nada como a curiosidade instigada por frases bem encadeadas chegando a intervalos regulares numa caixa postal eletrônica para que os dois se esqueçam dos possíveis impedimentos. A cada dia, Leo e Emmi se sentem mais impelidos a marcarem um encontro. Após trocas contínuas de mensagens, está claro para ambos que o marido dela e as feridas emocionais dele não serão obstáculos para que marquem um encontro. O único obstáculo real é a insegurança de ambos quanto à transformação da fantasia em realidade. O austríaco Daniel Glattauer dá nova vida à tradição epistolar em @mor, primeiro de dois romances que exploram um relacionamento sustentado basicamente em trocas de e-mails.
Uma vez eu tinha começado a ler esse livro e achei engraçadas as conversas por email entre os personagens, mas acabou que só li as primeiras páginas mesmo. Dessa segunda vez comecei a ler pra valer, mas infelizmente aconteceu que no decorrer das páginas fui enjoando das conversas, porque os personagens falavam e falavam, mas não saiam do mesmo lugar! A história não avançava e acabei desencantando com eles.  Descobri que foi melhor ter desistido quando fui procurar os spoilers do final e do segundo volume 😁

Se você chegou até aqui, obrigaaada! Espero seu comentário!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Você já segue as redes sociais do blog?
 FanpageInstagram Twitter

21 comentários:

  1. Quero muito ler o de Julia Quinn :)

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir

  2. Já li tanto mas tanto na minha vida que agora só leio jornais, lool.
    Mas pronto. Elogio que lê bons ( ou até maus) livros
    .
    Cumprimentos
    .
    ** Solitária em Campo Florido ( Poetizando e Encantando ) **

    ResponderExcluir
  3. Olá, Carol.
    Quanta coisa hehe. Eu gostei de As Gêmeas do Gelo mais do que você hehe. @mor foi uma decepção e a ideia do livro ser escrito assim era bem original na época, mas não funcionou comigo. Monica e Enzo achei uma fofura e acho que você vai gostar mais do segundo livro porque os personagens são mais adultos. O ódio que você semeia eu ainda quero ler hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Quantos livros. Eu amo o diário de anne frank, chorei muito enquanto lia.
    https://umagarotasemdestino.blogspot.com/2019/04/unhas-da-semana.html?m=1

    ResponderExcluir
  5. Oi Carol
    Vários livros que citou tenho vontade de ler. Eu comecei Madame Bovary uns anos atrás e também não dei continuidade, mas tenho que ler esse clássico francês, questão de honra.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  6. Oi, xará!

    Tenho curiosidade com o livro da Denise e gostei de saber da sua opinião, bem sincera. Ainda quero ler O segredo de Ella e Micha, que conheci pela sua resenha mesmo hahah

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Carolzinha,
    Eu sofri para terminar Anne Frank, não é um livro ruim só que me deixa triste, sabe? Admiro muito a inteligencia da Anne, mas já saber o final me deixou sem esperanças e totalmente arrasada.
    Agora, estou com Madame Bovary aqui, quero ver se me arrisco em breve, sei que não vai ser fácil, rs.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi Carol.
    Dos livros que você colocou, eu já li toda a Série Bridgerton e adoro. O meu preferido da Série é O Duque e Eu. Já li O Diário de Anne Frank, é um livro dolorosamente tocante. O Segredo de Ella E Micha não foi tudo aquilo que eu esperava, mas foi uma boa leitura. E li O Ódio que Você Semeia, uma leitura atual e muito importante. Anotei aqui alguns que me interessei. Ah e descobri que tenho o conto da Luciane Rangel no Kindle.
    Beijokas

    ResponderExcluir
  9. Oi Caro, tudo bem?
    Julia Quinn é vida! Quer ver sua resenha sobre ele.
    Da nora nunca li nada.
    Dois abandonos?? 🙈 Que triste, mas é melhor que forçar a leitura!

    Até mais!

    www.depoisdaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  10. Menina, quanta coisa que tu deixou acumular mulher! kkkk
    Mas foram ótimas leituras pelo visto. Sou doida para ler 'O diário de Anne Frank' e fiquei curiosa por 'Gêmeas do gelo'. Ouço falar muito bem da escrita da Liane Moriarty, mas ainda não li nada da autora. Quem sabe um dia? ;)
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir
  11. O Diário de Anne Frank a minha mãe me deu de presente ano passado. Espero conseguir ler ainda esse ano!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, Carol!
    Mônica e Enzo é muita fofura!!! E eu não conhecia essa série da Nora.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  13. Desses livros eu tentei ler O Diário de Anne Frank mas não conclui, infelizmente a história não me prendeu. Quero muito ler Madame Bovary!

    www.estante450.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oi
    muitas leituras e resenhas por aqui.
    gosto do livro o visconde que me amava, mônica e enzo e todos os dias é bem amorzinho, um dos melhores livros que li em 2017 foi o ódio que você semeia.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Carolzinhaaaaaaa
    O diário de Anne Frank terminei faz pouco tempo também, mt bom!
    VOCÊ LÊ MUITO MULHER
    Eu também acho que esperava um pouquinho mais de Mônica e Enzo, sabe rsrsrsrsr
    Acho que você vai gostar do Colin Bridgerton, viu <3

    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
  16. Oi Carol, tudo bem? Eu amo O visconde que me amava, é meu favorito, que bom que vc curtiu tb! Quero muito ler Um natal com amor!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  17. Oi Carol!
    Quantas compras legais *--* Ostentação que chama? Quero muito meu exemplar fisico de O odio que Voce Semeia, maa tava muito caro. Ai nao tive oportunidade de comprar ainda.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. OI Carol
    Eu não li @mor, mas li o segundo livro e é realmente uma enrola sem fim, chega me cansou e olha que nem li o primeiro! Eu sempre quis ler As gêmeas do gelo mas já vi que não é tudo isso então melhor nem ler.
    Beijo

    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Estou super desatualizada nos livros, já li resenhas sobre quase todos esses, mas ainda não li nenhum!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  20. Oie, td bem?
    Já vi a Collen na foto e amei hahaha
    Desses livros que vc postou, anotei vários! Preciso voltar com as leituras!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi Carol,

    Dos livros citados eu já li O Segredo de Ella e Micha e O Visconde que me Amava que foram boas leituras.
    Agora os outros quero muito ler O Ódio que Você Semeia, pois assisti o filme e adorei!
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderExcluir

Querido leitor, deixe seu comentário, ele é muito importante pra nós! *-*
Vamos adorar visitar seu blog e retribuir, é só deixar o link ;D