24 de fevereiro de 2019

Uma amiga indicou // O segredo de Ella e Micha - Jessica Sorensen

Sinopse
Este livro que você vai ler agora arrancou suspiros de uma legião de leitores americanos, entusiasmados com a escrita provocante de Jéssica Sorensen. O segredo de Ella e Micha trata do romance entre dois jovens, mas não é só isso. Os protagonistas vão tecendo, em primeira pessoa, uma trama complexa e ao mesmo tempo simples, que envolve temas delicados como dramas familiares, traumas psicológicos, medo do futuro e da morte, com naturalidade e sinceridade. Eis o que torna o livro tão comovente: sua realidade. Em qualquer lugar do mundo, cada jovem têm um pouco destes dois heróis paradoxalmente frágeis com seus traumas, mas fortes para enfrentar a dura realidade da existência e superar seus conflitos mais difíceis. Respire fundo, prepare-se para acompanhar uma história de amor com pitadas generosas de sensualidade e adrenalina. 
Olá, como vocês estão? 😃 Vamos a mais uma postagem do projeto Uma Amiga Indicou! Nesse mês de Fevereiro decidimos por fazer uma lista com 5 livros "encalhados" em nossas estantes, e sortearmos qual amiga iria escolher a leitura por nós. A Priih (Infinitas Vidas) me tirou e escolheu o livro O Segredo de Ella & Micha - Jessica Sorensen, um representante do gênero new adult!

Ella May é uma jovem que precisa voltar ao seu lar durante as férias de verão da sua faculdade em Las Vegas... Onde ela está há 8 meses justamente porque fugiu de sua cidade natal, de repente e sem avisar a ninguém. Ella queria ser alguém diferente e ficar distante de suas culpas e medos. Mas ao retornar, descobre que não tinha noção do quão empenhado estava seu melhor amigo Micha Scott em localizá-la por todo esse tempo. Ella terá que decidir quem realmente quer ser, encarar de frente seus problemas e aqueles que deixou para trás... E Micha está determinado a lembrá-la do quanto eles precisam um do outro.
"[...] ele precisa imaginar a vida sem mim, pois não sei por quanto tempo posso continuar sem me afogar."
Já fazia um tempão que eu não lia um romance NA, nos últimos tempos eu tenho sido muito fisgada por YA's. E "O segredo de Ella & Micha" tem todos os bons e velhos clichês de um NA: melhores amigos apaixonados um pelo outro, traumas do passado, rebeldia, famílias problemáticas, dramalhão, sexo, e etc. O que me lembrou o porquê do meu "distanciamento" desse gênero: a falta de inovação dos autores.

A parte boa é que o livro está longe de ser ruim. A autora tem uma escrita talentosa, o ritmo da leitura é muito bom, os personagens são carismáticos, têm dilemas interessantes e sentimentos bem explorados... Entendo porque deve ter sido um lançamento elogiado em sua época, inclusive, acredito ser uma leitura bem prazerosa pra quem ainda não está "de overdose" do gênero. Tanto que eu fiquei em dúvida na hora de definir a nota da avaliação, estava achando 3,5 pouco pra ele e 4,0 um tanto demais 🙈.
"[...] Espelhos enxergam além da imagem. Sabem quem eu fui; uma garota que falava alto, negligente, que mostrava ao mundo o que sentia. Não havia segredos. Mas, agora, eles me definem."
Eu gostei da protagonista Ella, não foi uma mocinha "mais do mesmo", ela tem uma personalidade bem própria; porém me irritou em alguns momentos quando dizia que não ia fazer uma coisa e 2 minutos depois estava lá fazendo, rs. 

O livro é narrado do ponto de vista dela e do Micha (um acerto). Micha é um mocinho TDB sem ser um babaca – o que é louvável. Lila e Ethan (amigos dos dois) têm um arco secundário na história que chama a atenção – a autora explora isso no terceiro livro da trilogia, que eu gostaria de conferir porque realmente gostei deles.

Imagem relacionadaResultado de imagem para o segredo de ella e michaResultado de imagem para o segredo de ella e micha

Já o segundo livro da trilogia continua a história de Ella e Micha e eu já sei que é desnecessário 😁 Já já vou explicar o porquê. Algumas expectativas minhas foram frustradas durante a história. Eu estou procurando até agora o tal grande SEGREDO obscuro e desconhecido! 🔍🔍🔍 Foi muito previsível pra mim como tudo acontece nesse livro! Outra coisa é que não houve muito aprofundamento nos temas mais sérios que ele aborda (como alcoolismo e bipolaridade), o que foi uma pena. A autora subaproveitou boas ideias.
"Só porque está quebrado não significa que perdeu a importância."
A trama caminha a passos lentos e quando você vê o livro acabou e na verdade foi um caminho tão curto percorrido! 🤔 Quero dizer, o livro não é paradão, mas a maioria dos acontecimentos narrados não levavam a pontos críticos, de mudança ou virada, sabem? E quando enfim os personagens tomavam alguma atitude, eu ficava sem entender de onde surgiu a vontade de agir naquele momento, sentia que faltava justificação.

Um parênteses aqui. Sobre a já mencionada falta de inovação que o gênero sofre, claro que existem exceções. Me lembrei do livro da minha xará Carol, "O Poder da Vingança" (resenha): um NA com uma pegada SUPER diferente e bem executada! Definitivamente um ótimo exemplo de que não é impossível sair da caixinha nesse gênero. #LEIAMPDV

Voltando... No final do livro, embora a decisão da Ella e do Micha tenha tido todo o meu apoio e admiração, ela perdeu a "força" quando virou um gancho/desculpa pra encher mais linguiça no segundo volume. A história poderia muito bem terminar daquela forma, porque SPOILERS (selecione para ler) deu pra ter um vislumbre de que Ella e Micha iriam se adaptar bem nessa questão da distância, sabem? Mas não, aposto que na continuação tem briguinhas sem fim, ciúmes e mais um monte de coisas nada a ver! #merecuso
"[...] se dói tanto assim querê-lo, como seria a dor de perdê-lo?"
Em contrapartida, tenho outros pontos positivos a citar 😍 Nas cenas mais "quentes" do livro, a autora não exagera, tem bom gosto e as narra bem! A amizade da Ella e do Micha é fofa, bem construída e convincente. E o romance entre eles é bem intenso e sensual!

Pra concluir, a obra peca ao se prender a clichês do gênero NA, e na linearidade e previsibilidade do enredo; no entanto, ela é envolvente e fluída, tem sensibilidade, além do que seus personagens conquistam e fazem você suspirar e comprar a "briga" deles.

Ps: Adoro essa capa lilás, e a modelo super lembra a Ella!
"Quero me permitir respirar novamente, mas temo perder o controle; temo sentir tudo, inclusive minha culpa."

Avaliação: 3,8 😅

Uma Amiga Indicou: Desencalhar um livro da estante
Blogueiras participantes ♥: Alessandra (Estante da Ale), Carol Rodrigues (Caverna Literária), Pâmela (Interrupted Dreamer) e Priscilla (Infinitas Vidas).

18 comentários:

  1. Oi Carol, fiquei dividida sobre o livro, porque os pontos positivos, como, a dosagem certo do romance e a escrita da autora, me atraiu muito. Mas, eu tbm me sentiria incomodada com a leitura arrastada.

    Enfim, mas quero ler para ter minhas próprias percepções.


    Até mais!

    www.depoisdaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu já li esse livro e sou apaixonada pela capa. Confesso amo livros Young Adult então gostei muito deste.
    Bjs
    https://eternamente-princesa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Carol!
    Acho que na época que saiu eu leria esse livro, mas por agora eu passo. Já li tanto NA que hoje em dia eu sou bem saturada do gênero. Só leio mesmo as autoras que já acompanho.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que eu não leria o livro, pois não estou curtindo muito esse genero.

    nicenessbeauty.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Carol, tudo bem? Pela resenha o livro tem aspectos positivos, mas achei que os negativos são bem maiores, vou passar dessa vez!

    Bjs, mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi
    que bom que curtiu, apesar de ao todo a história ter suas partes negativas, eu já tive muita vontade de ler esse livro, mas que foi diminuindo com o tempo.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Carol!
    Só cheguei a vê sobre esse livro de forma bem por cima e confesso que não me animo. Nunca li nada do gênero, mas se for começar vou tentar arriscar em outros que me chamam mais atenção.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, xará!

    Pela premissa, eu arrisco fácil na leitura, gosto desses romances clichezões onde o casal são melhores amigos, e o grande ~segredo instiga a curiosidade, mas fiquei triste de saber que na verdade esse segredo não é nada demais e dá pra se adivinhar ao longo da obra. Dá pra perceber que tem bastante enrolação, apesar da história ter um potencial que a autora não soube aproveitar direito. Uma pena :( mas do jeito que sou capaz que dou uma chance, já até fui adicionar no Skoob hahaha
    Que coisa mais linda você citando PDV!! Tava lendo super de boa a resenha e aí levei um susto quando vi PDV no meio, mas foi uma surpresa boa hahahaha muito obrigada pelo comentário e pela indicação! Fico tão feliz de saber que PDV te marcou no mundo dos romances do gênero <333

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahah, não era pra te assustar, foi um elogio super merecido!
      Então dê uma chance sim pra tirar suas próprias conclusões 😉

      Excluir
  9. Oi Carol
    Ainda bem que você ainda consegue desencalhar os livros da estante, eu só sinto preguiça. Eu já li esse livro mas confesso que não curti tanto a história, faltoou algo a mais.
    Beijo!

    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu tenho vários livros encalhados na estante rs preciso ler.
    Não conhecia este!!! Gostei da sua resenha e mesmo não me atraindo tanto pela historia, fiquei curiosa pelo desfecho



    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  11. Oi Carolzinha,
    Esse livro era um daqueles que minha mãe sempre dizia que ia me dar, mas acabou que nunca me deu HAHAHAH
    Acho que depois dessa resenha, até prefiro não ler. Hahahaha Estou em uma fase mais de thrillers e se não for um romance incrível, não estou me apegando não.
    Beijos
    estante-da-ale.blogspot.com/?m=1

    ResponderExcluir
  12. Olá, Carol.
    Eu nao gosto desse gênero por isso não leria ele. E também pelos pontos que você apresentou eu ia detestar mesmo. Não sei porque os autores não sabem mais escrever livros únicos hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  13. Oi, Carol

    Eu gosto do gênero, mas realmente não é todo autor que sabe sair da caixinha. Porém, sabendo procurar, dá pra achar coisa bacana. O mesmo acontece com diversos gêneros. Distopia, por exemplo. Tô cansada de distopia que divide a população em grupos, criatividade passa longe.
    Sobre esse livro, nem sabia que ele tinha sido lançado aqui. A primeira capa destoa muito das outras, parece fantasia. Hahaha

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tami!
      Esse já é um clichê que não me incomoda tanto nas distopias, e dá pra citar umas que conseguem fugir disso!
      Mas com certeza, todo gênero tem o seu clichê. Acho que uns saturam mais do que outros kkk

      Excluir
  14. Oi Carol, tudo bem?
    Fico feliz que a leitura não tenha sido negativa, se não eu ia sentir remorso HAHAHA! Brincadeiras à parte, super entendo seus comentários em relação à "saturação" do gênero. Eu, que nem sou muito de ler NA, já sinto isso. Pra quem tem mais experiência com esse tipo de obra deve ser ainda mais evidente.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  15. Oi, Carol!
    Que legal o tema do projeto, de tirar um livro encalhado da estante.
    Esse eu não conhecia, mas nem empolguei pelos seus comentários.
    Detesto mocinhas que me irritam e grandes segredos que não são grandes coisas.

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  16. Gostei da sua postagem, sempre estou visitando seu blog e lendo suas postagens.. Seu blog está salvo em meus favoritos..

    Parabéns!

    Amo seu blog ..

    Meu Blog: Resultado Vale Sorte

    ResponderExcluir

Querido leitor, deixe seu comentário, ele é muito importante pra nós! *-*
Vamos adorar visitar seu blog e retribuir, é só deixar o link ;D