segunda-feira, 30 de junho de 2014

Parceria // Bondiler

Imagem te levará até a página da loja

Hoje iremos falar de uma coisa que muitos de nós (ou todos e não muitos) ama quando isto acontece em um blog e uma loja. Nem adianta fazer drama pra falar que o próprio tema do post dedura a gente. Vamos falar da nossa primeira parceria. Só eu que amo parcerias de loja com blogs ou vocês também?
Sempre que vejo que algum blog que acompanho tem uma nova parceria, amo primeiramente ver os produtos que este selecionou como um dos seus preferidos e segundo, quando entro, enfim, no link da loja. Consigo quase que favoritar tudo em meu coração e vontade.
Todo blog sempre procura algum tipo de parceria com loja que tenha produtos que se identifiquem com os temas abordados em seu "cantinho". E claro que aqui no A Colecionadora de Histórias não iria ser diferente. Não vou ficar falando sobre o que eles vendem, vou logo mostrar os meus favoritos aqui no blog mesmo.



Gamante, não? 
Vale lembrar que a loja é nova, e por ser nova já tem produtos muito legais, que me fazem imaginar como estará daqui uns meses. Não posso deixar passar que existe outros produtos do Harry Potter, Jogos Vorazes, Game Of Thrones e The Vampire Diaries; tem também outros tipos de marcadores e bottons. O Anderson foi muito atencioso com a gente o que nos faz ver que atenderá super bem todos vocês!
E para surpresa final: nossos leitores tem 10% de desconto em suas compras

Imagem te levará até a página da loja

sábado, 28 de junho de 2014

Meet&Greet // Luiz Amato e A Grande Aventura

Hey colecionadores, tudo bem?
Espero que estejam gostando das últimas novidades do blog. Fechamos parceria com mais um blog (Eu & Meus Palpites) e também com uma loja de artigos literários, olha só! *-* Vamos fazer um post especialmente para mostrar alguns produtos de lá, mas enquanto isso, vocês já podem dar uma olhada no site -> Bondiler. Na sidebar tem um cupom de desconto pra vocês ;)
Hoje nós vamos ter mais uma oportunidade de conhecer histórias legais e novos autores aqui no blog! A entrevista de hoje é com o Luiz Amato, autor da série A Grande Aventura, composta de 3 livros:
A Grande Aventura: A Lenda (Livro 1)
A Grande Aventura: A Jornada (Livro 2)
A Grande Aventura: A Revelação (Livro 3) *ainda a ser escrito
Vamos falar sobre o primeiro livro, A Lenda =D

Título: A Grande Aventura: A Lenda 

Livro 1 - Completo 

55 capítulos 

Autor: Luiz Amato 

Gênero: Aventura/Ficção 

Onde ler: Wattpad (grátis) 








Sinopse 
“Uma aventura de tirar o fôlego. Para você que gosta de ficção, enigmas, suspense e ação, tudo isso em uma leitura fácil e gostosa. Conviva com personagens carismáticos e interessantes. Viaje pelo tempo, nas Cruzadas, século 12, ou em uma masmorra na Inglaterra, no século 15. Aventure-se por cemitérios esquecidos, corredores misteriosos e um laboratório de manipulação genética. Conheça o "Setor de Lendas" da igreja em Roma. Prepare-se, isso é só o começo.”

Resumo 
Junho de 1937. Um terremoto atinge o sul da Itália assustando os moradores. Na Gruta di Cane, feitores de almas preocupam os habitantes da região, e também a Igreja. Uma mensagem é enviada a Roma. 
Padre Ângelo, chefe do Setor de Lendas recebe ordens para investigar. Ele determina a ida dos irmãos Paulo e Lazlo. Os dois com o auxílio de padre Lino dirigem-se a gruta em busca de explicações. Sem saber, estão prestes a viver situações inexplicáveis. 
De volta a Roma, entregam ao seu superior os itens colhidos. Após breve análise, padre Ângelo mobiliza toda a sua equipe. Os recursos do setor os levam à época das Cruzadas, ao exército do imperador francês Luís VII em 1148. 
Pesquisas e diversos meios são empregados, mas tudo em vão. Porém, algo acontece que os colocam no rumo dos Semeadores Universais. Uma lenda ou uma verdade? Para responder a isso são convocados Bill Watters, doutor em Arqueologia, da Universidade de Oxford, e seu amigo Sajih. 
Eles enfrentarão enigmas, fenômenos naturais, encontrarão túmulos abandonados e uma antiga masmorra, onde repousa a história de P. J. Engeland e da peste no condado de Gloucester, Inglaterra, nos idos de 1420. Será que eles resistirão ao que pode ser um moderno centro de manipulação de DNA? Ou ao Corredor dos Mortos, com A Procissão das Almas? 
Uma reunião é convocada em Roma, onde Watters e Sajih analisam, junto com Ângelo e equipe, os resultados obtidos. Todos ficam pasmos? Eles enfrentam muito mais que histórias assustadoras. Estão em frente a uma realidade inesperada: A destruição do planeta terra. A resolução dos enigmas deixou isso claro, como também a necessidade de ajuda para a jornada que se vislumbra. De onde virá essa ajuda? 
♥♥♥

Toda semana o autor disponibiliza alguns capítulos da história para leitura no Wattpad, e no momento o primeiro livro já está quase completo, faltam só os 3 últimos capítulos. Depois você poderá acompanhar as publicações do segundo livro ;) Pra quem não conhece, o Wattpad é uma rede social gratuita voltada para novos escritores e leitores, onde podem ser publicadas histórias sem restrição e é possível a interação entre autor/leitor. Faz muito tempo que uso o Wattpad e recomendo muito o site, que possui um número gigantesco de histórias interessantes e diferentes, é só ler! Você pode acessar pelo computador ou em aplicativos móveis :)
Eu li alguns capítulos de A Lenda e gostei muito da proposta do livro. Ele é muito bem escrito, e dá pra ver que é uma história bem diferente, complexa e cheia de reviravoltas. Uma ótima pedida pra quem gosta de temas históricos e enigmas também. O autor, Luiz Amato, vai estar na Bienal de São Paulo, e possui dois grupos no Facebook de incentivo a Literatura Nacional: Divulgue Aqui e Escolha seu Livro.

Sobre o autor 
Luiz Amato. Paulista, 58 anos, casado com
D. Bete, pai de duas filhas maravilhosas,
Ana e Bruna. Formado tecnólogo em
eletrônica, é especialista em Filatelia
(colecionismo de selos). Guitarrista e
baixista, é fã de rock pesado, como é
possivel perceber nas trilhas sonoras
de seus book trailers (Led Zeppelin,
Black Sabbath, Dio).




Entrevista 

A Colecionadora de Histórias: O que é ser escritor pra você? Quais são seus escritores favoritos?
Amato: É concretizar um sonho. Expor ideias e histórias que povoam nossa cabeça. Dar vida a personagens que em alguns casos, já o acompanham a anos. Conhecer novos círculos de amizade. Trabalhar, trabalhar duro, mas com recompensas difíceis de explicar, como a felicidade que sentimos quando uma pessoa, desconhecida, lhe fala ou manda uma mensagem, dizendo que adora seu livro, seu jeito de escrever. 
Meus escritores favoritos: São vários, mas vou citar aqueles que, de algum jeito, influenciam na minha forma de escrever. James A. Michener, James Clavel, Sven Hassel, Jack Higgins, Machado de Assis e José Mauro de Vasconcelos. 

A Colecionadora de Histórias: De onde surgiu a inspiração para escrever “A Grande Aventura”?
Amato: Eu diria que a cabeça de um escritor é igual um vulcão em erupção. Jorram ideias de todos os lados. Eu, quando não estou fazendo algo que tome minha atenção, estou pensando em uma história, independente dela se transformar ou não numa peça literária. 
A Grande Aventura surgiu assim; um pensamento aqui, uma cena imaginada acolá. Isso persistiu em minha mente, fosse na hora do banho, ou quando ia dormir. A partir daí, foi só sentar em frente ao teclado. 

A Colecionadora de Histórias: Por que o uso do Wattpad? Você pensa em publicar a série?
Amato: Sim, penso em publicá-la. Acho que todos que escrevem, têm essa intenção inicial. 
Não sou um entusiasta da alto-publicação, publicação por demanda, e outras formas mais ou menos iguais. Como sou um sonhador nato, ainda sonho com uma editora que assuma a publicação. 
Quanto ao uso do wattpad, são várias as razões: Você poder expor seu trabalho ao público e mensurar um resultado, com base no número de leituras, comentários e likes exibidos. Poder interagir com seus leitores, colher opiniões, criticas, palpites. Isso não tem preço. Também a facilidade que a plataforma oferece para a publicação online e a enorme quantidade de possíveis interessados no seu livro, considerando que o acesso a ele é grátis. E o fator exposição de sua obra e seu nome como autor, para possíveis interessados. 

A Colecionadora de Histórias: O que você espera que suas histórias provoquem no leitor, o que ele pode esperar? 
Amato: Essa pergunta é muito legal. Eu adoro ler. Não sou um leitor chato, mas gosto de me sentir envolvido com a história. Então, quando escrevo, tento deixar o leitor sem fôlego, morrendo de vontade de ler o próximo capítulo, envolvê-lo na história. Eu gosto muito de imaginar a cena quando estou escrevendo-a. As vezes detalhar até mais que o necessário, mas com isso fazendo com que o leitor veja o ambiente e “participe” da história. 
Ele pode esperar sempre muita ação, aventura, personagens apaixonantes, e situações fora do lugar comum. Eu tive uma professora que sempre dizia: “Luiz, você é muito elétrico”, no sentido de agitado. Meu livro tem boa parte dessa eletricidade. 

A Colecionadora de Histórias: Fale um pouco sobre seus outros projetos.
Amato: Projetos não me faltam, e não só na área de literatura. Mas como esse é o caso aqui, vamos a eles: Gosto muito de escrever contos. Alguns estão também publicados no wattpad. Quando eu terminar o livro 3, A Revelação, é muito provável, que eu crie mais alguns contos e lance uma coletânea deles. Fora isso tenho uma ideia para um novo livro, mas essa ainda está germinando. 
Sobre a série, iniciei a publicação da versão em inglês, The Legend, no wattpad, visando atingir o público internacional. A aceitação está boa. Devo fazer o mesmo, num futuro não muito longe, para a língua espanhola. 

A Colecionadora de Histórias: Você tem algum conselho para novos autores que também querem publicar seus livros (digital ou físico)? 
Amato: Algumas dicas, que aprendi, e que as considero de enorme valia: Escreva sempre o que você gosta, pois com certeza será bem melhor do que visar só o comercial. Um bom revisor (a) e a leitura crítica, são ferramentas indispensáveis para o seu texto melhorar sempre mais. Se ele já é bom, ficará ótimo. Nunca jogue uma crítica para baixo do tapete, ao contrário, transforme-a num ponto positivo para a sua jornada como escritor. 
Se você tem a intenção de ter o seu texto publicado, e tem como fazer isso, seja por uma editora que banque as despesas, ou por você mesmo, realize seu sonho, seja com um livro físico, seja com um digital. É muito gratificante. 


Mensagem Final 

Não poderia deixar de agradecer a você Carol, pela oportunidade de falar um pouco do meu livro. A todos os administradores e administradoras de páginas do face, e blogueiros e blogueiras de nosso imenso Brasil, que nos ajudam na divulgação diária de nossos textos. E a todos os que me ajudam, de alguma forma, são muitos. Amizade é tudo. Um muito obrigado enorme. 
♥♥♥

Quero que vocês saibam que um dos focos do blog será esse apoio a nossa literatura nacional. Tem muitas histórias interessantes e ótimos autores nesse Brasil querendo a oportunidade de mostrar seu trabalho para nós, leitores, e no pouco que eu e o blog pudermos ajudar, assim será! Conto com o apoio de vocês! *-* 
O que acharam do livro e da entrevista? Me contem tudo!

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Nova Colaboradora // Mais uma Carol pra vocês


Olá!
Sou a Caroline Ariel e tenho 18 anos. Moro hoje no Rio de Janeiro, mas já morei no interior de São Paulo. Diretamente dizendo, em São José dos Campos, foi onde passei toda a minha infância e entrei na adolescência. Não pense que sou uma "paulista", pois não sou, mas quem sabe amaria ser já que tenho um amor pela cidade. Sou, então, uma carioca. 
Quando eu era criança, era a coisa mais normal falar o sotaque do paulista e ser imitada/copiada pela família inteira da minha mãe. Só que fui crescendo e perdendo parte do sotaque e voltando para uma das minhas origens, o carioca. Minha mãe nunca perdeu o sotaque dela, então foi o que tive de base. Hoje carrego comigo os dois sotaques. Sempre ouvi "Ela é carioca." e também sempre fui pedida pra falar "Porta. Verde. Vermelho. Carlos. Guilherme. Barbara.". Só que a situação toda inverteu quando mudei pro Rio e comecei ouvir "Ela é paulista.", mesmo eu negando eles insistiam que sim, e uns me pediam pra dizer palavras "Escada. Imposto.". Então disto o que eu posso resumir é que: para um carioca sempre serei paulista; para um paulista sempre serei carioca.
Talvez não seja de se esperar que meu clima preferido seja o frio e que não aguento com tanto calor que faz em um só lugar (RJ) e sempre questionarei sobre. Assim como existe o carioca que não gosta de calor, existe o paulista que não gosta do frio. 
Como qualquer outro que tem e planeja seus sonhos, tenho os meus também. Londres, Paris, Seoul e Disney são uns dos destinos que mais sonho em conhecer. Sempre delírio com um Natal em Nova York com direito a neve e uma bela árvore de Natal. E no falar em Natal, acho a época do ano mais linda e sempre lembro das cenas no filme do Harry Potter. Agora fotografia, música e chocolate são uns dos meus amores na vida. Ler e ouvir música são outras coisas que tanto gosto fazer em tempos livres. Indicações de música sempre me agrada. 
Eu e a Carol fizemos um curso juntas, foi onde nos conhecemos e formamos uma amizade. Carol já está na faculdade e espero que seja exatamente o que ela queira. Agora eu ainda me encontro em pequenas dúvidas, penso em arriscar as minhas fichas na Logística e ser feliz nela. 
Agora que já me apresentei, vou mostrar algumas das fotos que já tirei e mostrar pra vocês. Espero que gostem. Talvez vocês queiram saber se tirei elas em câmera fotográfica e qual. Sinto em dizer que não foi em nenhuma câmera e sim no meu simples celular (nada de iPhone, ta bem). Quem sabe um dia eu chegue aqui com as minhas fotos na câmera que sonho, mas enquanto este dia não chega, vou ser feliz com o meu celular mesmo.










Desculpem-me pelo tamanho da minha apresentação. E pra terminar, vocês escolhem como me chamaram. Se será Carol, Ariel, os dois nomes ou como preferirem. 
Até a próxima! 

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Hashtag do Dia // Suspense

Olá colecionadores!
Hoje estou estreando a coluna Hashtag do Dia, que funciona basicamente assim: Um tema, várias dicas. Ou seja, o tema de hoje é #Suspense, e vou indicar filmes, livros, séries e músicas relacionadas ou que tenham a ver com suspense. Vocês podem sugerir os próximos temas nos comentários, e espero que gostem da ideia =D
Confesso que não tenho nenhum problema com filmes de suspense e terror, adoro assistir! :P Pra quem tem medo de filmes de terror, eu acho que os suspenses são uma ótima pedida. Quem não gosta daquela ansiedade no final pra saber quem matou, por exemplo? haha
A maioria das dicas que eu coloquei são suspenses psicológicos, coisas que chegam muito perto do terror eu evitei colocar ;) Vamos as dicas!

Filmes

Caçadores de Mentes (Mindhunters, 2004)

"Em uma ilha remota o FBI desenvolve um programa de treinamento para sua divisão de perfis e resgates psicológicos, chamada Caçadores de Mentes. Este programa é usado para rastrear serial killers. Entretanto o treinamento apresenta problemas quando 7 jovens agentes descobrem que um deles é na verdade um serial killer, que está decidido a matar os demais."

Pessoal, esse filme muito muito muito show! É um dos meus filmes preferidos #ever, e não canso de rever, mesmo já sabendo o final, rs. Tem Maroon 5 na trilha sonora, como não amar? XD Fora isso, é um ótimo filme e um suspense diferente e surpreendente ;)

(um absurdo, mas não consegui encontrar um trailer desse filme nem legendado! =/)

A Casa de Vidro (The Glass House, 2001)
"Após a morte dos pais em um acidente de carro, dois irmãos vão morar com seus novos pais adotivos. Porém, com o passar do tempo, os irmãos acham que seus 'pais' já procuravam adotá-los antes mesmo da morte dos pais verdadeiros, de olho nos quatro milhões de dólares que eles possuem em forma de ações."
Eu acho difícil alguém não ter visto esse filme ainda, mas é um suspense legal ;) Vocês sabiam que tem a sequência? Mas são outros personagens e é bem ruinzinho, não vejam kk.


Caso 39 (Case 39, 2010)

"Assistente social idealista luta para salvar uma adolescente das mãos de seus pais abusivos. No entanto, a mulher descobre mais tarde que a garota não é tão inocente quanto parece e a situação é mais pergiosa do que ela jamais poderia imaginar."

Esse filme é beeem tenso! kkk Não vou nem falar nada dessa garotinha aí #medo. A assistente social é a Renée Zellweger (Bridget Jones, quem lembra?), e o filme em si prende a atenção até o final e surpreende.


Beijos que Matam (Kiss The Girls, 1997)

"Um psicólogo forense (Morgan Freeman) de Washington viaja até a Carolina do Norte para investigar o aparente seqüestro de sua sobrinha, que desapareceu do campus universitário em meio a outros sequestros similares. Ele está praticamente certo que as jovens vítimas dos recentes seqüestros estão vivas, pois quem está executando estes raptos é um "colecionador". No entanto, ele não sabe se sua sobrinha está entre as possíveis vítimas, mas consegue ser ajudado por uma médica (Ashley Judd) que estava no cativeiro, conseguiu escapar e garante que várias jovens estão vivas, inclusive quem ele procura. O investigador decide então caçar o seqüestrador, que usa o pseudônimo de "Casanova"."

Dando uma olhadinha nos comentários do Filmow, acabei descobrindo que esse filme é uma adaptação de um dos livros do autor policial James Patterson (série Alex Cross). Preciso ler um livro dele, aliás =/ Eu assisti esse filme numa tarde, no canal da Universal, se eu não me engano. E chamou a minha atenção, não é excepcional, mas é uma história que vale a pena conferir :)

(sem trailer legendado também, sorry guys)

A Mão que Balança o Berço (The Hand That Rocks the Cradle, 1992)

"Claire Bartel é mãe de duas crianças, trabalha fora e ainda tem que cuidar da casa. Ao contratar Peyton Flanders (Rebecca De Mornay), ela acredita ter encontrado a babá mais que perfeita para ajudá-la com seus afazeres. Sem saber, Claire acaba trazendo para dentro de casa sua pior inimiga e agora vai ter que defender seu lar e a vida de sua família."

Eu defino esse clássico em uma palavra: Sinistro. Essa babá gente a loira, é louca, e esse filme é muito show +1. É a prova de que antigamente faziam-se filmes melhores cara, que suspense! haha

(esses filmes antigos hein, vou te contar... nada de trailer legendado =/)

O Corvo (The Raven, 2012)

"Edgar Allan Poe (John Cusack) junta forças com o jovem detetive Emmett Fields (Luke Evans) para caçar um assassino serial que está usando o próprio trabalho do escritor como base para cometer uma série de assassinatos brutais."

Gente, esse filme é muito bom também. Pra quem nunca ouviu falar, Edgar Allan Poe foi um escritor de contos de terror de verdade (eu vou falar um pouquinho mais dele ali embaixo). Esse filme faz uma junção das obras dele e é uma homenagem ao escritor. Lógico, é ficção, então vários elementos foram introduzidos para tornar o filme mais interessante, o que com certeza funcionou. Ótimas atuações, mistérios, romance e comédia também estão nessa aventura, recomendadíssimo! *-*


Livros

O Caso dos Dez Negrinhos - Agatha Christie

"Dez pessoas são convidadas pelo misterioso U.N. Owen para passar alguns dias numa ilha perto de uma aldeia pouco movimentada. Os convidados aceitam o convite e de igual maneira embarcam num barco local para a ilha. Na primeira noite, quando todos já se conheciam razoavelmente bem e conviviam animadamente na sala, ouve-se uma voz vinda das paredes da sala, acusando cada um dos dez presentes de ter cometido um crime, crime esse que apesar de ser despropositado ou inevitavél, levou à morte de outras pessoas. O pânico instala-se e mortes inexplicáveis se sucedem, tendo por única pista uma trova infantil."

Pra mim, esse é um dos melhores livros da nossa Rainha do Crime. Você não faz a menor ideia do que te aguarda no final do livro. Mistérios e ansiedade estão garantidos da primeira a última página ;) O filme Caçadores de Mentes lá em cima, me lembra muito esse livro, não sei se vocês repararam na sinopse (algumas pessoas numa ilha, os crimes e talz, rs).

Dois Vultos na Janela - Charlotte Armstrong

“É extremamente raro um livro desse gênero levar críticos a buscarem seus superlativos de estimação, e não é quase de admirar, porque Charlotte Armstrong tocou exatamente numa das situações mais aterradoras que a vida moderna pode oferecer – a de uma menininha à mercê de uma ama perversa.”

Faz muito tempo que li esse livro e não lembro muita coisa, mas eu gostei bastante do final, rs. É uma das 4 histórias de um livro antigo que tinha aqui em casa (o da foto), e um suspense bem amarrado e interessante.

Conte-me Seus Sonhos - Sidney Sheldon

"Ashley, Toni e Alete têm duas coisas em comum: São bonitas e suspeitas de cometer uma série de assassinatos brutais. A polícia efetua a prisão, que leva a um dos julgamentos mais inusitados já vistos, com a defesa baseando-se em provas médicas bizarras, porém autênticas. De Londres a Roma, de Quebec a São Francisco, a trama de Conte-me seus sonhos é magnética desde o começo até o final surpreendente."

Esse livro foi lido por mim há pouco tempo, e eu simplesmente adorei e estou amando ainda mais o Sidney Sheldon. É um thriller psicológico bem surpreendente, escrito maravilhosamente bem, com personagens cativantes e uma história que não te deixa descansar até chegar ao final. Aguarde surpresas! ;)

Autor: Edgar Allan Poe

"Edgar Allan Poe foi um autor, poeta, editor e crítico literário americano, fez parte do movimento romântico americano. Conhecido por suas histórias que envolvem o mistério e o macabro, Poe foi um dos primeiros escritores americanos de contos sendo considerado o inventor do gênero ficção policial, também recebendo crédito por contribuição ao emergente gênero de ficção científica. Ele foi o primeiro escritor americano conhecido a tentar ganhar a vida através da escrita por si só, resultando em uma vida e carreira financeiramente difícil."

Ok, se você for numa biblioteca, com certeza vai encontrar um livro de contos desse cara. Você pode ler praticamente qualquer conto dele que vai ter um ótimo suspense nas mãos. Exemplos: Os Assassinatos da Rua Morgue, A Máscara da Morte Escarlate, A Carta Furtada, O Coração Revelador... O filme O Corvo ali em cima, é ótimo pra você começar ;)

Série

Sleepy Hollow (2013, renovada para a 2ª temporada)

"Sleepy Hollow é a adaptação da famosa Lenda do Cavaleiro sem Cabeça. Descrita como um suspense sobrenatural, a adaptação vai se passar nos tempos modernos e seguirá as aventuras de Ichabod, um capitão da Guerra de Independência norte-americana, que de alguma maneira viaja no tempo após cortar a cabeça de um cavaleiro."

Confesso que não vi muitos episódios dessa série ainda, mas já deu pra perceber que é uma ótima representante do gênero. Os primeiros episódios são bem engraçados também, rs.


Músicas

Eu escolhi algumas músicas que me lembram trilhas de filmes de suspense, não sei se vocês vão concordar, mas eu acho que tem a ver, rs. 


E aí, alguma outra dica?
Beijos!

Fontes: Filmow, Skoob, Wikipédia e Minha Série

sábado, 21 de junho de 2014

Leituras do Mês // Maio de 2014


Hey colecionadores!
Hoje o post atrasado é pra falar das leituras do mês de Maio. Mas antes eu quero apresentar a vocês os dois novos blogs parceiros do ACDH: Na Minha Atmosfera e Biblioteca Desajeitada. Visitem! =D
Voltando ao post...


Vocês podem se perguntar: só dois livros? Na verdade foram três (não estou mais com o terceiro), mas eu considero esse número um milagre depois do meu primeiro fim de semestre na faculdade, rs.
Enfim, apesar de não muito produtivo, o mês foi de ótimas leituras. Vamos conferir!

(sem querer eu tapei o nome dela -_-)

Esconderijo Secreto - Isadora Mello
Sinopse
“Às vezes, quando passamos por situações difíceis, só queremos sumir do mundo por um bom tempo. Se esconder nem sempre é uma demonstração de fraqueza. Às vezes, isto é algo imprescindível para nos encontrarmos e acabar de vez com toda a tempestade que deságua dentro de nós. E, em momentos como esses, as palavras podem ser boas aliadas.”
Esse é o pequeno livro de contos da minha amiga da faculdade. Ele é super fofo e consegui lê-lo bem rapidinho. Foi bom pra distrair a mente. Em breve tem resenha completa pra vocês!


Beijada por um anjo 1 - Elizabeth Chandler
Sinopse
“Beijada por um anjo é o primeiro volume da série, escrita por Elizabeth Chandler. Ivy sempre acreditou em anjos… Quando ela conhece Tristan, descobre que ele é o amor da sua vida. Quando ele morre, seu coração está quebrado e sua crença em anjos desaparece. E sem essa crença, ela é incapaz de sentir a presença de Tristan, quando ele retorna – como um anjo.Agora, Ivy está correndo um terrível perigo, e Tristan está lutando para salvá-la. Como ele conseguirá protegê-la se ela perdeu a fé em anjos? E se ele conseguir salvá-la, ele terá terminado sua missão aqui na terra e terá que partir para sempre deixando-a para trás. Afinal, Salvar Ivy seria o mesmo que perdê-la justamente quando consegue reencontrá-la?”
Uma narrativa simples, leve e romântica, era o que eu estava precisando. Não tinha muitas expectativas com essa leitura, mas surpreendentemente acabei me rendendo a história de amor de Ivy e Tristan.


Quem é você, Alasca? - John Green
Sinopse
“Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras que, cansado de sua vidinha pacata e sem graça em casa, vai estudar num colégio interno à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young, uma garota inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, que o levará para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez".”
Nesse momento eu queria ler algo excepcional, então fui de John Green mesmo XD Alasca é minha segunda leitura dele, e peloamor, esse homem é um gênio! Sem mais u.u


Bônus: Final de A Escolha - Kiera Cass
Sinopse
“A Seleção mudou a vida de trinta e cinco meninas para sempre. E agora, chegou a hora de uma ser escolhida. America nunca sonhou que iria encontrar-se em qualquer lugar perto da coroa ou do coração do Príncipe Maxon. Mas à medida que a competição se aproxima de seu final e as ameaças de fora das paredes do palácio se tornam mais perigosas, América percebe o quanto ela tem a perder e quanto ela terá que lutar para o futuro que ela quer. Desde a primeira página da seleção, este best-seller #1 do New York Times capturou os corações dos leitores e os levou em uma viagem cativante ... Agora, em A Escolha, Kiera Cass oferece uma conclusão satisfatória e inesquecível, que vai manter os leitores suspirando sobre este eletrizante conto de fadas muito depois da última página é virada.”
Eu confesso, assim que disponibilizaram o pdf do livro, eu fui correndo ler os dois últimos capítulos. Nunca fiz isso antes, mas queria muito saber com quem a America ia ficar, haha.

E vocês, quais foram suas últimas leituras? O que estão lendo agora?
Beijos!

quinta-feira, 19 de junho de 2014

Meet&Greet // Conhecendo Luciene Evans e a Série Zylgor

Olá colecionadores!
Hoje nós temos um post especial. Mas primeiro, explicando o nome da coluna, aqui eu vou postar sobre autores, atores, entrevistas, parcerias, coisas que eu quero que vocês conheçam. Há alguns dias atrás, a autora nacional Luciene Evans entrou em contato com o blog para a divulgação do seu ebook “A Princesa das Águas”, primeiro livro da Série Zylgor, que contará com 4 livros (os outros 3 ainda serão publicados). Fiquei muito feliz com o contato dela, e em poder ajudar na divulgação de seu trabalho, mesmo que o blog ainda esteja no começo. Espero que ela e vocês gostem do post!



Título: Série Zylgor – Livro I: A Princesa das Águas 

Gênero: Fantasia

Formato: Ebook

Autora: Luciene Evans

Ilustrador da capa: Murilo Araújo

Onde comprar: Amazon







Resenha

Cã é um garoto órfão de 15 anos cuja vida vira de cabeça para baixo quando um espírito de chuva o conduz a um portal mágico pelo qual ele atravessa para um exótico mundo chamado Zylgor.
Sua aventura em Zylgor começa quando ele se vê perdido em um bosque azul. Cã tem apenas duas opções: continuar perdido ou seguir três estranhas criaturinhas. Mas seja qual for a escolha, a sua frente se estenderão situações inusitadas e perigos letais, pois logo descobre que terá que participar de uma arriscada jornada se quiser retornar para seu próprio planeta.
Ambientada em um mundo muito diferente do nosso, a história aborda o mito do herói, apresentando Cã, o protagonista, como uma projeção da condição humana no que diz respeito a sua complexidade psicológica, social e ética. Ao mesmo tempo, esse personagem transcende a condição do homem comum, pois representa virtudes que todos nós desejamos alcançar.


A autora 
Luciene Evans nasceu em João Pessoa, PB,
onde concluiu o curso de Comunicação
Social na Universidade Federal da Paraíba.
Trabalhou em teatro nas áreas de
produção e direção, além da criação dos
textos encenados pelo grupo Matraca.
Escreveu 20 peças de teatro para
crianças que reuniu em um livro.
Zylgor é sua estreia literária no
gênero fantasia.


A Luciene tinha proposto um post apenas para a divulgação do livro, mas eu a convidei para uma pequena entrevista, que vocês vão conferir agora! ;)

Entrevista

A Colecionadora de Histórias: Como é a sua relação com a arte em geral? 
Luciene: Comecei com a dança. Quando eu tinha 15 anos já era professora em duas academias. Participava de muitos eventos de dança. Depois migrei para o teatro. Foi quando comecei a escrever, atuar, dirigir e produzir. Isso aconteceu no tempo da universidade. Quanto às outras formas de arte, participo como uma mera espectadora. Não levo muito jeito para música ou artes plásticas, por exemplo.

A Colecionadora de Histórias: O que te inspirou a escrever “A princesa das águas”? Quando começou a escrevê-lo? 
Luciene: Apesar de o título do primeiro volume ser esse, é preciso esclarecer que toda a história gira em torno de Cã, o personagem principal. No entanto, em cada livro há um personagem que se sobressai e participa de forma muito ativa. Nesse primeiro livro, é a princesa Lilat, que é o amor platônico de Cã. 
Quanto ao que me inspirou a começar a escrever essa história, foi o filme "A História Sem Fim", baseado no romance do autor alemão Michael Ende, em 1989. Assim que acabei de assistir, a ideia de Zylgor já tinha entrado na minha cabeça. Mas parei de escrever várias vezes, mudei a personalidade dos personagens, o rumo dos acontecimentos, fiz muita pesquisa de mitologia. Acho que modifiquei a história umas cem vezes. A saga completa conta com quase 1.500 páginas. Deu e continua dando muito trabalho. Pelo menos agora posso dizer que estou na reta final. 

A Colecionadora de Histórias: Como foi tomar a decisão de lançar o livro em formato digital? Quais foram as dificuldades e quais são suas expectativas?
Luciene: Eu não procurei qualquer editora tradicional. Queria ser independente. Nunca gostei da ideia de alguém lá da editora cortando meu texto, fazendo mudanças por causa de uma razão mercadológica qualquer. Eu também queria escolher os ilustradores e definir o que as ilustrações representariam. Sou apaixonada pelo trabalho de Rafaella Ryon (minha conterrânea), e Murilo Araújo. Murilo fez a primeira capa, e, se Rafaella se interessar pelo projeto, ela faz a capa do segundo livro. 
Não tive qualquer dificuldade em publicar online. O site da loja Amazon é muito fácil de mexer e não tem burocracia. Quanto ao ganho, em uma editora tradicional, você fica com uma porcentagem muito pequena sobre a venda da sua própria obra. Ao publicar como e-book no site da Amazon, você tem opção de ganhar 35% ou 75% do preço, dependendo do número de países que você queira atingir. Como publiquei pela Amazon dos EUA, não sei como funciona o esquema para os que publicam através do site no Brasil. Em resumo, só vejo pontos positivos em publicar desse modo, e minha expectativa é fazer a mesma coisa com os próximos livros.

A Colecionadora de Histórias: O que você espera que o livro provoque no leitor, o que ele pode esperar? 
Luciene: O leitor pode esperar muitas surpresas, reviravoltas, obstáculos a serem vencidos, enigmas difíceis de serem compreendidos. Eu tento escrever de maneira a que leitor tenha o desejo de participar como coautor, que fique imaginando como escreveria o capítulo que acabou de ler ou a sequencia daquela cena se fosse o autor. Ou mesmo que se posicione dentro da aventura como o personagem com o qual mais se identifica.

A Colecionadora de Histórias: Fale um pouco sobre seus outros projetos.
Luciene: Tenho dois projetos para ficção científica. Não farão parte de uma série. São duas histórias com temáticas distintas. Só vou iniciar quando concluir a saga de Cã em Zylgor. Isso me estimula a ter pressa com o projeto atual, e mal posso esperar para iniciar minhas pesquisas para esses dois novos livros em sci-fi. 

A Colecionadora de Histórias: Você tem algum conselho para novos autores que também querem publicar seus livros (digital ou físico)? 
Luciene: Esse livro, Zylgor, levou um longo tempo para ser publicado. Confesso que foi difícil quebrar uma certa dependência de estar escrevendo e reescrevendo, mexendo, cortando, acrescentando. Acho que eu estava adiando isso inconscientemente, sabotando a mim mesma e sendo egoísta. Portanto, meu conselho é que novos autores não guardem suas histórias para eles próprios. Sejam generosos – compartilhem. 
Sou muito grata pelo blog ter cedido esse espaço para eu falar sobre meu livro. Foi uma entrevista maravilhosa e meu desejo é retornar aqui a cada novo livro que lançar.
♥♥♥

Muito legal, né? Adorei as respostas dela *-* 
O livro foi lançado recentemente, e você pode comprá-lo no site da Amazon (clique aqui). A Luciene também mantém o blog (http://zylgor.blogspot.com/). Lá tem alguns trechos do livro, ilustrações dos personagens, e várias informações interessantes! Vale a pena dar uma olhada ;) 

Ah, e uma dica pra você que está sempre por aqui: curta a página do blog no facebook. Lá você fica sabendo sobre os novos posts, novidades do blog, e outras coisas também, como notícias do mundo literário. 
Beijos e até a próxima! 

*Resenha e todas as informações sobre o livro foram dadas pela autora.

terça-feira, 17 de junho de 2014

Filme // A Culpa é das Estrelas


Ficha Técnica
Título Original: The Fault In Our Stars
Ano: 2014
País: EUA
Duração: 125 minutos
Gênero: Drama/Romance
Direção: Josh Boone
Elenco Principal: Shailene Woodley, Ansel Elgort, Nat Wolff
Roteiro: John Green, Michael H. Weber e Scott Neustadter
Produtores: Marty Bowen e Wyck Godfrey



Sinopse

“Diagnosticada com câncer, Hazel Grace Lancaster (Shailene Woodley) se mantém viva graças a uma droga experimental. Após passar anos lutando com a doença, a jovem é forçada pelos pais a participar de um grupo de apoio e logo conhece Augustus Waters (Ansel Elgort), um rapaz que vai mudar completamente a sua vida.”

Essa sinopse é deprimente e não diz nada sobre o que realmente é ACEDE, mas eu também não vou ficar resumindo a história aqui. Ataque de fangirl #nerdfighter MODE ON!


Pra começar, a experiência de ver esse filme no cinema é única. Não vai ser a mesma coisa se você ver em casa. A energia das pessoas em volta, que estão tão ansiosas e depois, tão emocionadas quanto você, é linda de presenciar e sentir.
Assim como o filme é lindo de ver e viver, principalmente pra quem leu o livro antes. Eu me senti assistindo ao livro, literalmente! As frases que nós amamos no livro estão lá; todos os momentos de Amsterdã; a amizade entre Gus, Isaac (Nat Wolff) e Hazel; o amor e o drama; e a raiva/paixão por Peter Van Houten (Willem Dafoe) também XD
Quanto a Shailene Woodley e o Ansel Elgort, estou sem comentários e envergonhada por tê-los subestimado antes do filme. Eles atuaram maravilhosamente bem, foram a Hazel e o Gus que nós imaginamos, e com química! Perfeitos!
Quando o filme começa, e o Gus aparece dando aqueles sorrisinhos para a Hazel, eu pirei! Tipo, ok Ansel, você é perfeito pro papel, me convenceu! kkk, sério! Na verdade, ele não convenceu pela aparência, mas pelas atitudes! Ele realmente conseguiu incorporar o Gus da melhor maneira :)
No filme, eu consegui gostar muito mais do Gus do que já gostava no livro, e fiquei feliz por isso. Isso porque a Hazel tinha me chamado mais atenção no livro do que ele.
Da metade do filme pra lá, eu já estava chorando e não parei mais, rs. No final do livro eu fiquei emocionada, mas não tinha chorado =/


Mas nem só de choro vive um filme, e principalmente no começo eu dei boas risadas. No final fiquei com raiva porque quando todo mundo já estava se acabando de chorar, ainda teve umas piadinhas e não era hora para aquilo! kk
Enfim, o filme só fez eu me apaixonar mais pela história, e agradecer ainda mais ao John Green por tê-la escrito.
Eu acredito que pra quem não leu o livro e viu o filme, tenha sido menos empolgante. E a única crítica que eu tenho é que alguns detalhes ficaram "mal explicados", pra quem não leu o livro. Por exemplo, o desejo dos Gênios (instituição que concede um último desejo a pacientes com câncer). Faltaram alguns detalhes da história também, como quando o livro fala da ex namorada do Gus, e ela nem é mencionada no filme. Ou quando ele fala que a Hazel parece com a Natalie Portman, hahaha. E também quando eles estão indo para Amsterdã, e o Gus discute com os pais dele (essa cena eu achava importante ter). Mas foram coisas que não prejudicaram o todo. Faz parte, são muitos detalhes pra colocar em duas horas de filme.
Apesar de tudo isso, com certeza é uma das melhores adaptações que eu já vi, muito fiel! *-*
As cenas com o Isaac e os pais da Hazel são perfeitas, belas atuações aqui também. A trilha sonora está maravilhosa, e a fotografia é linda!
Só achei que a impressão final do Peter Van Houten (autor do livro favorito da Hazel) ficou muito "do mal", acho que no livro foi mais light, rs. Queria muito ler Uma aflição imperial XD
Assim como o livro, o filme nos passa uma linda mensagem, que nos faz acreditar no amor e na vida, e nos ensina a valorizar quem amamos.
Recomendado para todas as idades e todos os públicos ;)

Trailler


Alguém aí já viu o filme? O que acharam?
Beijos!

Ps: Espero que vocês estejam gostando dos posts, estou adorando o retorno de vocês! E desculpem por não ter postado ontem, não deu =/

sexta-feira, 13 de junho de 2014

Caixa de Correio // Maio de 2014


Olá colecionadores!
Primeiro, quero agradecer a todos que vieram visitar o blog, seguir e comentar, e também curtiram a página no facebook *-* E vamos ao terceiro post! =D
No Caixa de Correio, como em todos os blogs literários, eu vou mostrar pra vocês os livros que tiver ganhado/comprado/trocado no mês anterior.
Já vou avisando que Maio foi um mês atípico, então não se assustem com a quantidade de livros, não é sempre assim, rs.


Foram 15 livros adquiridos! Alguns eu já queria há bastaaante tempo; outros foram achados; e ainda tem os que eu não queria taaanto assim, mas foram os que eu consegui trocar XD
Vamos comentar por partes:

(comprados)

Esses livros eu comprei nos sites do Submarino e do Extra. Aliás, foi a minha primeira compra no Extra e adorei, os livros chegaram em perfeito estado, antes do prazo, e o frete foi bem baratinho #fikdik
Beijada por um anjo 2: A força do amor – Elizabeth Chandler Li Beijada por um anjo 1 há pouco tempo e gostei, estou curiosa pra saber como a série vai se desenrolar daqui pra frente. Já tenho o livro 5 também, mas por enquanto só comprarei outros da série depois que ler esse segundo ;) (sinopse)
Academia de Vampiros: Último Sacrifício – Richelle Mead  É o sexto livro e desfecho da minha atual saga de vampiros favorita, só estava esperando o submarino abaixar o preço mesmo, haha. Leiam VA gente, é bom demais! (sinopse)
Starters – Lissa Price  Adoro distopias e faz muito tempo que eu queria ler esse livro, mas o preço dele nunca mudava! Kkk Dessa vez que eu comprei ainda não tinha abaixado taaanto assim, mas comprei assim mesmo :P (sinopse)
Julieta – Anne Fortier  Esse livro é um romance histórico também, uma ficção diferente que envolve o romance de William Shakespeare, e parece ser beeem interessante. Eu queria ele há mais tempo que Starters ainda, e é um livro bem carinho também, rs. Como agora saiu essa segunda edição (eu preferia a primeira, + tudo bem), o preço começou a cair um pouquinho e aproveitei pra diminuir a lista dos desejados. (sinopse)
Essas promoções na internet têm acabado comigo, vocês não tem noção de como estou me segurando nesse mês de junho (que já teve outras várias delas! rs)

(+ compras no sebo)

Esses dois livros eu encontrei em um sebo no Centro da Cidade aqui no Rio, por 5 reais cada *-*
Academia de Vampiros: Aura Negra – Richelle Mead  Segundo volume da série. Eu já li, e comprei mais por coleção e pelo preço mesmo ;) Agora só faltam mais dois livros para completar a coleção de VA \o/ (sinopse)
Um Elixir Misterioso- Amanda Quick  Eu bati o olho na sinopse desse livro e quis logo levar! É um romance histórico, e parece que é o segundo livro de uma trilogia, mas são histórias independentes. (sinopse)

(trocas)

Esses três livros foram trocas que fiz no Skoob, tem pouco tempo que comecei a fazer trocas por lá, e pelo menos até agora não levei nenhum calote, rs.
A Promessa – Richard Paul Evans  Eu troquei O Projeto Rosie – Graemme Simsion que tinha repetido aqui em casa por esse livro. Eu tinha visto a sinopse dele há um tempinho atrás e achei interessante. Sei lá, me lembra Nicholas Sparks kkk. (sinopse)
As Vantagens de Ser Invisível – Stephen Chbosky  Esse eu troquei por A Cidade do Sol – Khaled Hosseini, que eu não pretendia ler tão cedo, então... =/ Mas enfim, As Vantagens é um livro que divide opiniões, estou curiosa para lê-lo. (sinopse)
Tudo o que Ela Sempre Quis – Barbara Freethy  Trocado por A Cruz de Morrigan – Nora Roberts (ok, eu gosto da Nora, mas esse livro é meio estranho, rs). Tudo o que ela sempre quis tem uma sinopse bem interessante e misteriosa também, parece ser uma boa leitura :) (sinopse)

(presentes!)

AAAAAAAAA, esses seis foram meu presente de aniversário da mamys! *---* Meu aniversário foi no final de Abril, mas eles chegaram em Maio, todos lindos e saíram SUPER baratos na Saraiva ;)
Um Conto do Destino – Mark Helprin  Pra começar, esse livro é gigaaante, tem 720 páginas! Mas assim que eu li sobre ele e vi que tinha o filme e assisti ao trailler, ele foi pros meus desejados. Parece ser O romance super fofo, e eu quero ler o mais rápido possível. (sinopse)
Divergente – Verônica Roth  Nossa gente, eu fui ver esse filme no cinema, e me apaixonei! (pelo Quatro e pela história, rs) Quando eu lia a sinopse do livro, eu não entendia esse negócio de "facção", achava meio estranho... Pra quê? Depois de ver o filme eu fiquei super empolgada pra ler, e quero lê-lo ainda esse ano. É muito muito bom, se você gosta de Jogos Vorazes então, melhor ainda! (sinopse)
365 dias do ano (Staying Strong) – Demi Lovato  Eu sou suspeita pra falar da Demi, ela é minha cantora favorita e a que mais me inspira em vários sentidos. Esse livro tem várias mensagens incríveis dela, e eu ainda estou decidindo se vou ler de uma vez, ou uma por dia mesmo, estou indecisa, rs. (sinopse)
Procura-se um Marido – Carina Rissi  Eu li esse romance nacional maravilhoso ano passado, e eu precisava dele na estante, tudo é lindo nesse livro e a Carina é diva, sem mais u.u (sinopse)
Um Porto Seguro – Nicholas Sparks  Minha coleção do Nicholas Sparks se “completa” com esse livro. Entre aspas porque alguns eu decidi não comprar mesmo, e faltam os dois últimos novos que saíram. É um dos que eu tenho bastante expectativa, parece ser um dos melhores dele. (sinopse)
Belo Desastre – Jamie McGuire  BD. Minha relação com esse livro é mais de recomendação, porque meu interesse por ele é muito pouco sem as recomendações de pessoas próximas a mim que já leram. Em suma, eu quero entender o que tanto veem nesse Travis Maddox! :P (sinopse)

Literalmente falando, esse foi um ótimo mês! Minha lista de desejos diminuiu drasticamente, e agora só falta colocar minhas leituras em dia *-* Posso dizer que em breve teremos as resenhas de Academia de Vampiros, Beijada por um anjo e Procura-se um marido, livros que eu já li.
E vocês, já leram algum desses livros?  Receberam algum livro em Maio?
Beijos e até o próximo post!